Dykerama - Informação e entretenimento para o público lésbico e bissexual


Fantástico exibe reportagem sobre amigas de lésbicas

Por Redação em 08/12/2008 às 18h53

O "Fantástico", da Rede Globo, exibiu neste domingo (7) uma reportagem sobre amigas de lésbicas, pegando carona na história de Stela (Paula Burlamaqui) e Catarina (Lilia Cabral) na novela "A Favorita".

Ao programa, Rosangela, que é lésbica, comentou sobre o preconceito que a amiga Mauricéia sofre por parte do namorado e filhos. "É só eu falar que vou sair com alguma amiga, que eles sabem que sejam lésbicas, ou vou me encontrar, ou vou ligar: cuidado, cuidado, hein? Olha, presta atenção, hein, elas são fogo", disse Mauricéia. "Esse preconceito que tem aparecido na novela é o que a gente vê a cada dia, né? Um preconceito muito real", declarou Rosangela.

A reportagem também convidou duas atrizes para para passear por um shopping como se fossem um casal de namoradas e sentirem a reação das outras pessoas.

Assista à matéria clicando no player acima e comente!

Link

Comentários








wendy: ha? a que legal

Eloa : vcs poderiam aborda mas este assu por que ainda existe muito e quem sabe atraves dos meios de comunicação os pessoais podem e aos poucos vendo que cada um e cada um e que somos diferente e tem seus modos de viver

erika nuernberg: adoreii... achei otimo ter feito esse documentario... amei... muito... este tipo preconceito deve ser deixado de lado....

NEGA: AXO QUE ESTAMOS EM UM PAIS ONDE CERTOS TIPOS DE PRECONCEITOS ESTAO SENDO DEIXADO DE LADO.VIVEMOS EM LIVRE ARBITRIO ENTAO QUE CADA UM FAÇA SUA ESCOLHA E VIVA FELIZ SEM TER QUE DAR SATISFAÇÃO A NINGUEM.AH GLOBO ESTA DE PARABENS PELA TEPORTAGEM!!

Ana Cláudia: A abordagem da relação de Catarina e Stela está sendo ótima, superando as expectativas. Este enfoque lúcido dado a questão homossexual sendo veiculado no horário nobre da TV é um importante aliado na nossa luta por cidadania e direitos. Espero que o autor continue nesta linha.

Hérika: Foi super válida a abordagem ao assunto, isso mostra como ainda somos província e como é difícil não deixar o preconceito nos assustar e nos podar as ações em público.

Anterior  1 2  Próxima 

É expressamente proibido a reprodução parcial ou total de qualquer conteúdo do site Dykerama sem prévia autorização por escrito dos responsáveis.
RSS Facebook Twitter
Cadastre-se no informativo